A maioria dos assaltos à residência acontecem na chegada/saída dos empregados ou ao fazer os serviços externos tais como: lavar as calçadas, varrer a frente da casa.

Atualmente uma parcela da população trabalha fora durante o dia e deixa funcionários em sua residência para que sejam executados os serviços básicos necessários de limpeza, manutenção, etc. Ou mesmo um dos moradores trabalha enquanto o outro fica cuidando de casa.

Deve-se levar em conta os pontos vulneráveis que são os horários de entrada/saída dos funcionários, horário de saída/chegada dos filhos para a escola ou horário habitual para sair/chegar do trabalho. Esta rotina é, na maioria das vezes, marcada pelo bandido para que seja o momento de aplicar o roubo ou assalto.

A maioria das abordagens são feitas nos momentos vulneráveis da residência e para evitar isso é interessante que evite-se criar uma rotina de horários, para alguns casos sabe-se que é muito complicado, porém, deve-se orientar os funcionários ou mesmo prestadores de serviço (o Tio da Perua Escolar por exemplo) para que antes de parar na frente da residência, observe ao redor se não há nenhum suspeito e em caso de haver, não parar, entrar em contato com o morador para que o mesmo avise a polícia.

Outra forma de diminuir o risco é instalar lixeiras internas com abertura externa em modelo “V” para que ao colocar o lixo, seja feito por dentro da residência sem que haja necessidade de sair na rua.

Fonte: http://www.schimitd.com.br/blog/como-evitar-assaltos-em-residencias/

Ligar Agora