O número de furtos a residências vem aumentando a cada dia, por isso resolvi relacionar algumas dicas e observações básicas de segurança que podem contribuir muito com sua prevenção, se seguidas no dia a dia. Antes de relacionar as dicas, quero reforçar que não há investimento que garanta uma segurança 100% nem mesmo a falta deste que impeça que você possa se prevenir. O que buscamos aqui são medidas que garantam uma segurança satisfatória, o que na maioria das vezes, conseguimos alcançar com baixo investimento – quando falamos de segurança residencial e pessoal – e em alguns casos conseguimos este com a simples mudança de comportamento.

A tendência do momento é o furto durante o dia, entre 07h30 e 10h e entre 13h e 16h, horário em que normalmente os moradores estão trabalhando, estudando, ou mesmo em viagem. Para a prática do furto, normalmente, há um planejamento prévio dos bandidos para levantarem informações sobre a rotina dos moradores, como: horário em que normalmente estão ausentes da casa, tipos de bens que poderão encontrar na casa, etc. Mas como se prevenir? A seguir, algumas informações importantes:

  • Ao contratar qualquer serviço em sua residência, informe-se com antecedência sobre a idoneidade da empresa ou pessoa que irá prestar o serviço;
  • Garanta que alguém acompanhe o serviço, mesmo que este seja apenas na área externa da residência;
  • Se o serviço contratado exigir a necessidade de acesso ao interior da residência, por precaução, oculte objetos de valor que possam chamar a atenção;
  • Fique atento às construções e reformas próximo a sua residência;
  • Ao adquirir um novo bem para sua casa (TV, DVD, SOM, etc.) não deixe a caixa do produto exposta no lixo da rua: corte-a em pedaços pequenos e coloque-os dentro do saco de lixo;
  • Fique atento com pessoas estranhas que estejam rondando a vizinhança;
  • Na medida do possível, procure manter a campainha desligada ao se ausentar por um período longo de tempo da sua residência;
  • Não jogue no lixo qualquer tipo de documento que contenha informações que o identifique (conta de água, luz, telefone, envelopes de correspondências onde conste seu nome completo, etc.) ou mesmo que contenham informações sobre seus hábitos (fatura de cartão de crédito, notas fiscais, comprovante de pagamento com cartão, etc.);
  • Evite limpar a área externa (calçadas) com o portão aberto, estando só e em horários de pouco movimento.

Fonte: Dicaseg.com


Ligar Agora